ABUSO DE ANALGÉSICOS PRESCRITOS

Enquanto o consumo de muitas drogas de rua esteja em ligeiro declínio nos EUA, o abuso de drogas prescritas está a crescer. Em 2007, 2,5 milhões de americanos abusaram de drogas prescritas pela primeira vez, comparados com os 2,1 milhões que consumiram marijuana pela primeira vez.

Entre os adolescentes, as drogas prescritas são as mais usadas com números aproximados aos da marijuana, e quase metade dos adolescentes que abusam de drogas prescritas estão a tomar analgésicos.

Porque é que tantos jovens estão a mudar para as drogas prescritas para ficarem eufóricos?

De acordo com uma pesquisa, quase 50% dos adolescentes acreditam que tomar drogas prescritas é muito mais seguro do que usar drogas ilícitas.

O que a maioria dos jovens não conhece é o risco que correm ao consumir essas drogas altamente potentes e alteradoras da mente. O uso de analgésicos a longo prazo pode levar à dependência, até mesmo para as pessoas que recebem a prescrição para alívio de uma condição médica mas acabam por cair na armadilha do abuso e da dependência.

Em alguns casos, os perigos dos analgésicos não vêm à tona até que seja demasiado tarde. Em 2007, por exemplo, o abuso do analgésico Fentanyl matou mais de 1000 pessoas. Descobriu–se que era trinta a cinquenta vezes mais poderosa que a heroína.